Explorar. Inspirar
Brasil 7 Abr 2021

Tendências Healthcare 2021

NOVAS FORMAS DE COMUNICAÇÃO NO SETOR DA SAÚDE

 

 

 

 

A pandemia provocada pela COVID-19 fez estremecer a estrutura sanitária, social e económica de Espanha. Neste panorama, a robustez e a trajetória de algumas indústrias foram fundamentais não apenas para superar o momento de emergência mas também para demonstrar uma grande capacidade de resposta.

A indústria farmacêutica ergueu-se como a solução para este momento de crise. No que respeita à investigação, o papel da indústria farmacêutica foi fundamental não apenas no desenvolvimento de vacinas mas também na busca de novas soluções terapêuticas contra o coronavírus. A indústria farmacêutica em Espanha liderou a corrida para encontrar um tratamento, sendo o país da Europa que participou em mais ensaios clínicos, e o quarto, no mundo. Graças aos grandes investimentos realizados em I+D e à constante renovação das unidades de produção, foi possível garantir o fornecimento de medicamentos específicos contra a COVID-19, bem como o fornecimento de fármacos e de princípios ativos procedentes do estrangeiro, em colaboração com a Agência Espanhola de Medicamentos. Num contexto muito hostil, a ativação dos planos de contingência e a preponderância enquanto indústria foram fundamentais.

A economia precisa de se apoiar em setores estratégicos de modo a superar a crise, e o setor farmacêutico é um deles. Trata-se de uma indústria com um modelo de emprego qualitativo e com projeção, além de desempenhar um papel relevante na produção e na exportação de alta tecnologia. Trata-se do setor industrial que mais investe em I+D, o correspondente a 20 % da despesa empresarial, segundo o inquérito sobre inovação em empresas de 2019 realizado pelo INE. Este investimento tem implicações positivas bastante evidentes no campo da saúde, e nada negligenciáveis nos âmbitos económico, social e laboral.

Neste sentido, a pandemia proporcionou à indústria farmacêutica uma grande oportunidade para se distinguir enquanto motor económico e social em Espanha. Este é o momento de valorizar esta indústria e de explicar como nos ajudará a ultrapassar esta situação, como nos oferecerá uma parte muito importante da solução. Enfrentamos uma nova etapa de incerteza, na qual a solidez, a eficácia e as ações devolverão a confiança, que, não nos podemos esquecer, é um elemento intangível fundamental para a recuperação económica. Enquanto indústria, este é o momento para se explicar, para se explicar bem, com rigor, autoridade e, sobretudo, transparência.

DESCARREGAR
Georgina Rosell
Diretora Sénior da LLYC Barcelona
Mais de 15 anos a prestar assessoria à indústria farmacêutica nos seus desafios de transformação cultural, reputação e inovação entre as quais contamos 7 das 10 principais empresas da indústria farmacêutica do Monitor de Reputação Sanitária MERCO 2020. Filha de um médico e uma farmacêutica, Gina Rosell é também especialista no setor sócio-sanitário, hospitalar, residencial e médico-científico, âmbito em que tem grande capacidade relacional a nível institucional e do setor terciário.A sua formação como Cientista Política especializada em relações internacionais e o seu Mestrado em Gestão de Comunicação e Sustentabilidade proporcionam-lhe um foco de ampla dimensão nos desafios das organizações com resultados premiados internacionalmente pelo seu vasto impacto, sensibilidade e criatividade.Georgina está há mais de dez anos na empresa, da qual é Diretora Sénior, e é líder da área de comunicação de saúde a nível europeu.
Javier Marín
Diretor Sénior Healthcare Américas
Javier Marin é um profissional de comunicação e relações públicas com experiência nos setores público e privado e com mais de 20 anos de experiência em empresas farmacêuticas, de biotecnologia e ciências da vida. Ao longo da sua carreira, desenvolveu campanhas de comunicação social para prevenção e cuidados para a saúde para o governo do México; comunicação corporativa, assuntos governamentais, comunicação interna, marketing, responsabilidade social digital e corporativa, bem como programas de relacionamento com grupos de pacientes locais no México, América Latina e globalmente em empresas como Merck & Co. (MSD) e Johnson & Johnson.
Tuca Figueira
Diretora da Advocacy & Healthcare
Com mais de 20 anos de experiência em comunicação estratégica e saúde, Tuca Figueira tem trabalhado com clientes como o Hospital de Santa Catarina, Biogen, Alexion, Departamento de Transportes Metropolitanos do Estado de São Paulo, PepsiCo, entre outros. É especializada na área farmacêutica, gestão de crises e branding institucional. Na LLYC trabalha em projectos de gestão de reputação e no apoio às Relações Públicas Advocacy e Market Access, para além do apoio às organizações de pacientes, em várias indústrias. Tuca tem uma licenciatura em Relações Públicas pela Universidade Cásper Líbero (SP) e especializada em Jornalismo Institucional pela PUC/SP. Tem ainda um MBA em Gestão de Comunicação Empresarial pela FECAP/SP e especialização em Advocacy e Políticas Públicas pela PEC FGV/SP.
Queres saber mais?
Artigos
    Especialidades
      Profissionais

        Queremos colaborar consigo

        Procura resolver um desafio?

        Quer fazer parte da nossa equipa?

        Quer que participemos no seu próximo evento?